Início > Fatos incontestáveis, Música > Hip Hop e R&B

Hip Hop e R&B

Exemplo de filha da puta fodedor da música

Para os leigos do inglês ou de conhecimento mesmo – seu burro -, no Brasil, esses ritmos são conhecidos como o BLACK.

Resolvi escrever esse texto depois que vi aquele clipe do Chris Brown, I can transform Ya, na MTV. Ele é o estereótipo perfeito do que se tornou esses 2 ritmos.

Letras
Praticamente TODAS as músicas desses malditos hoje são um beijo no próprio EGO: geralmente falam sobre ele ser o comelão das mulheres, de possuir carros importados, de limpar a bunda com uma nota de 100, de como ele é foda fazendo alguma coisa, de como ele faz isso, faz aquilo. Ah, por favor. Morre aê. Isso foge completamente do que foi o ritmo rap/hip hop antigamente. Antes, a letra mostrava toda uma visão POBRE do cantor, do sofrimento. Hoje, até quem está começando nesse ritmo já fala das riquezas que possui sendo que ninguém nunca ouviu falar do indivíduo.

Video clipe
Outra, o clipe é ridículo. QUAL O MALDITO SENTIDO DE UM FUNDO BRANCO ONDE AS PESSOAS FICAM DANÇANDO E CANTANDO? Não passa de um vídeo cheio de efeitos especiais, mas completamente sem sentido. A Beyonce usa muito disso – Single Ladies que o diga. Faça algo criativo, por favor. Caso não consiga – eu vou entender, é muito difícil ter criatividade no século XXI – faça um vídeo relacionado à letra da música. Ops, melhor não, porque a letra não passa de “SOU FODA, COMO TODO MUNDO, TENHO DINHEIRO, OS CARAS ME INVEJAM, MEU CARRO É UMA FERRARI, SUA MINA ME AMA”.

Vozes Digitais
Ninguém é um Freddie Mercury, eu sei. É normal a alteração da voz para uma afinação melhor, mas o Lil’ Wayne se supera. Puta que pariu. Eu quero morrer quando ouço a voz daquele infeliz. O cara NÃO CANTA! Por quê? Por quê diabos o cara tem uma voz digital? CRIA UM ROBÔ CHAMADO AUTO-TUNETS – curtiu o nome, gatchenha? -, mas não me fala que o Lil’ Wayne canta. E não é só ele. Muita gente exagera demais nesse sentido. Cadê o espírito da música? Ou será que eu to esperando demais de uma música sobre estuprar mulheres?

Música Digital
Um só exemplo pra vocês terem ideia: Black Eyed Peas – eles nem se enquadram mais no R&B/Hip hop. A música deles é totalmente digital, não tem nenhum instrumento, só um maldito DJ e remixagem feito para baladas.

Gemeção e gemeção no último refrão
Mariah Carey, Beyonce, Katy Perry, Rihanna, Chris Brown – cuja voz é a mais irritante do universo (a do Lil’ Wayne é modificada) -, Ne-Yo e outras pessoinhas que esqueci agora. Por favor, o nome da música é DESCARADA, você repete isso no refrão 8x. Até aí tudo bem, mas no último refrão as coisas se tornam exageradas. Além das 8x de repetição naturais, vem a segunda voz – que é feita pela mesma pessoa – gemendo sem parar o nome da música. Além de irritar, a música enjoa muito mais rápido. Qualé, Mariah Carey: você cantava músicas que hoje são as primeiras escolhas pra tema de casamento, lado a lado com Whitney Houston.
__

Esse ritmo se tornou ridículo. É claro que não posso falar que não gosto de nenhuma música – até mesmo o BEP robô-trônico criou músicas VICIANTES -, há ALGUMAS EXCESSÕES, mas, qual o problema em FAZER uma música com letra, ritmo e um clipe legal? Quando eu digo fazer eu digo FAZER. Tudo hoje não passa de auto-tune e remixagem de computador. Ah, nós devemos colaborar também né. Vamos apreciar uma coisa chamada MÚSICA. Nós é quem fazemos a fama/fortuna deles. Será que eles merecem toda essa fama? (Já cansei de quantos FACEPALMs eu já invoquei vendo e ouvindo R&B/Hip Hop atual)

SÓ DEIXO ISSO AQUI.

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. janeiro 8, 2011 às 23:20

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: