Início > Gente louca, Internetz, PQP News, Real life > Olhe bem essa menina e a tome como exemplo

Olhe bem essa menina e a tome como exemplo

… Porque essa menina não deveria ser obra de uma mentira.

Eu não sei nem por onde começar. Eu jurei a mim mesmo que não escreveria motivos ou fatos pro Orkut DEIXAR DE EXISTIR. Eis alguns motivos para meu juramento:

1)      O que faz uma rede social são seus usuários, e não ela mesma. Já disse isso no meu texto sobre Orkutização;

2)      Apesar de ter negado isso no texto “Orkutização”, se podemos evitar dar razões para migrarem pra outra rede social, então devemos evitar;

3)      Eu ainda uso Orkut. Não uso diariamente – estou longe disso. Eu uso apenas pra divulgar esse blog (porque o Orkut é a rede social onde mais tenho forma de contato com o público). Aliás, muito provável que você esteja lendo isso porque eu divulguei no Orkut.

Eu até mesmo já escrevi no meu Tumblr vários motivos pra deixar o Orkut MORRER. No Tumblr pra não chamar atenção. Porém, as coisas chegaram ao seu limite.

Antigamente as comunidades de uma rede social chamada Orkut eram basicamente COMUNIDADES. Isso mesmo,  comunidades eram um grupo de pessoas com interesses iguais que entravam e se encontravam nesse “grupo”, buscando seu gosto/assunto/o que quer que seja. Algumas comunidades eram extremamente bem cuidadas e organizadas, com conteúdo que ninguém conseguia achar em nenhum outro lugar.

Então o câncer começou. Leia o tal texto no meu Tumblr para ter uma ideia da desgraça que as comunidades do Orkut viraram. Adianto aqui: comunidades com citações de frases de filmes/séries/livros, sensacionalismo sobre tragédias mundiais/nacionais, “entre nessa comunidade para ver o conteúdo do título”, etc…

E finalmente o assunto deste post: A MENINA QUE PULOU NA FRENTE DA AMIGA PARA PROTEGÊ-LA DA BALA.

A não ser quer você more em uma CAVERNA em ATLÂNTIDA, é muito provável que você saiba do caso de Realengo, onde aquele maluco invadiu uma escola e matou muita gente, entre a maioria, meninas.

A questão, é que, cedo ou tarde iam começam o FALSO HEROÍSMO. Pra quem não sabe, falso heroísmo é basicamente um heroísmo que não é de verdade. Compreendeu?

“Olhe bem essa menina e a tome como exemplo”

clique pra ampliar çabagaça

 “… se meteu em frente ao tiro que acertaria sua amiga para salvá-la” – Estou confuso. O tiro que acertaria sua amiga iria salvá-la ou ela que ia salvá-la do tiro? Odeio frases ambíguas.

“Sua amiga ficou coberta pelo sangue de Bianca se fingindo de morta e passa bem” – Isso é uma cena do filme chamado Carandiru. Sério. O cara se esconde com os corpos pra não levar tiro dos policiais.

“Agora reflita: Você faria o mesmo pela sua amiga?” – Não. E nem você. Ele está te mandando você refletir. Se você refletir, vai perceber que não faria isso subitamente.

“Daria sua vida pela sua amiga?” Um tiro na cabeça?” – Primeiramente, como ela ia saber que ia levar um tiro exatamente NA CABEÇA? E segundo que, “PELA SUA” com certeza é a frase mais feia do mundo.

__

Ok. De fato, Bianca Rocha Tavares morreu no tal desastre, basta pesquisar sobre isso. Entretanto, vocês perceberam uma coisa nesse texto?  NÃO HÁ PROVAS ALGUMA DE QUE BIANCA REALMENTE FEZ UM ATO DE AMIZADE. Não há links para entrevistas da amiga, não há evidências nem mesmo em notícias. Procure aí no Google. NÃO HÁ NADA RELATANDO QUE BIANCA PULOU NA FRENTE DE SUA AMIGA. Na verdade, essa amiga SEQUER existe no acontecimento! A única coisa que falam nas notícias é de que sua irmã gêmea levou um tiro no braço.

Amiga? Fingindo estar morta? ONDE? ME BÁ IBAGENS.

Falso heroísmo, amigos. Usam de um momento triste e chocante ao país para criarem comunidades que tendem a ganhar muitos membros. Retiram uma “lição de vida” do “acontecimento” e pedem pra você PROMOVER A COMUNIDADE.

Coisas assim se esparramam como batatinha pelo chão. Olhe só isso:

Aliás, querem ver como é muito fácil fazer um texto assim, sem provas? Preste atenção no texto que criei abaixo.

Considere que uma mulher terrorista entrou em um prédio, e explodiu o 12º andar matando várias pessoas e danificando o elevador, que passava ali no momento. Um homem chamado Kléber morreu, e não havia nenhuma criança ou bebê no acontecimento.

“Você está vendo esse homem na foto? Sim, esse homem chama-se Kleber e ele foi o responsável pelo resgate do bebê no elevador do desastre do 12º. Ele, com a mão amputada, negou atendimento médico, entrou nas ferragens do elevador e conseguiu puxar a perna do bebê para fora, o salvando. Infelizmente, perdeu muito sangue nesse ato de bravura.

É disso que o mundo precisa, de gente que sacrifica a si mesmo por uma nova vida.”

Difícil de acreditar? Agora mesmo você já quer ver a foto do Kléber.

Eu não sei nem o que é pior: as pessoas que tem coragem de criar não só uma, mas MUITAS comunidades idênticas, sem nem saber a fonte, ou as que entram nessas comunidades, acreditando em tudo que é falado na internet, criando tópicos com chats totalmente aleatórios. Parem de ser ingênuos.

*Claro que se eu estiver errado por desacreditar na bondade humano e Bianca realmente ter pulado na frente de sua amiga, esse texto será o maior FAIL de todos os tempos e vocês me zuarão por toda a eternidade. Por favor, não façam isso*

Anúncios
  1. Kleiton
    abril 17, 2011 às 01:52

    Kleber é o nome do meu pai LOL

    • abril 17, 2011 às 01:55

      Se fudeu, ele perdeu a mão antes de morrer.

      • Roger
        abril 17, 2011 às 03:12

        RIALTOOOOOOOO

  2. abril 17, 2011 às 02:07

    E salvou um bebê.

    • abril 17, 2011 às 14:34

      Macaco floresta, dwetalhe q o bebe se fingiu de morto.

  3. David
    abril 23, 2011 às 21:41

    Emma Watson?

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: