Início > Cultura Pop > Legendas

Legendas

O MUNDO DOS HOMENS SUCUMBIRÁ, BROTHER GANDALF.

Ultimamente eu venho percebendo como eu perco o conteúdo visual do que eu estou assistindo vendo as legendas.

Se você chegar num grupinho pseudo-cult e falar que filme dublado é melhor do que legendado, provavelmente você será xingado de diversas formas. Em 90% dos casos filme dublado é terrivelmente ruim, eu concordo. Mas há um problema.

Antes de me xingar, eu quero dizer que prefiro os filmes/séries/vídeos/etc legendados – na maioria dos casos o som é em inglês e eu preciso treinar inglês. Porém, você – que se diz o rei das legendas e que não aceitaria de forma alguma ver um filme dublado – sofrerá FORTEMENTE ao saber que você se fode vendo um filme de ação legendado.

O filme não para de passar enquanto você lê a legenda.

É certeza que você vai perder conteúdo do que está vendo enquanto lê a legenda por mais que a sua visão ENGLOBE todo o filme. Exemplo de Transformers 2: um filme que é difícil ver até dublado devido às diversas cenas de ação feitas extremamente rápidas. De repente começou uma gigantesca batalha no filme quando de repente um diálogo aparece. Você tira os olhos da cena pra ler o que está acontecendo. Por mais que você faça isso sem sequer perceber e na velocidade mais rápida que você pode assimilar, num filme de ação, 0,3 milésimos mudam tudo.

Se com um diálogo você perde visual, imagina com uma narração da história enquanto mapas e acontecimentos importantes aparecem na tela. Como em O Senhor dos Anéis I: A Sociedade do Anel.

Essa cena mostra a chegada de Sauron – um carinha da pesada buscando muita confusão – à região. Lendo a legenda muito rápido você não vai ver essa cena direito. Mesmo se ver, só vai saber que é Sauron na cena seguinte em que ele aparece por inteiro, sem legendas.

E não, eu não leio devagar. Inclusive, se você ler legendas muito rápido vai ultrapassar a fala do personagem e CLICHEAR o filme, já sabendo o que ele falou antes mesmo de ele terminar de falar. Isso, em filmes de comédia é frustrante (leia você rir da piada antes mesmo do cara falar)

Se você está negando o que eu estou escrevendo com a sua mente, faça o teste de ignorar as legendas E VER O MALDITO FILME e então voltar a ler as legendas e perceber que está perdendo conteúdo visual.

Eu percebi isso quando fui assistir a série FRIENDS sem legenda. Como estou acostumado a ver a série pela Warner todos os dias com legenda, quando vi sem legenda, meus olhos olhavam pra baixo, buscando os textos amarelos. É muito estranho poder olhar pro personagem que está falando. Parece que fica faltando alguma coisa pra fazer enquanto assiste.

Ah, outra coisa que eu percebi. Talvez isso não funcione com todos, mas, quanto menor a legenda, pior. Tudo bem que quanto mais imagem e menos texto melhor, mas na prática, você vai ter que olhar mais pra baixo ainda na hora de ler, perdendo mais conteúdo ainda.


Ao ler a legenda pequena você vai ignorar totalmente o que está em cima da porta ou a cabeça do Sheldon e a do cara que eu esqueci o nome. Ah, é Leonard.

Em nível de prioridade, eu coloco: 1) ver legendado; 2) ver dublado e 3) ver sem legendas. Ver dublado porque há certas casos em que a dublagem fica deveras melhor que o original.

O que fazer, então ? Aprenda inglês – ou a língua do que você estiver vendo – e mande as legendas pra puta que o pareo. Eu ainda vejo com legendas porque ainda há muita coisa no inglês que eu preciso aperfeiçoar e em alguns casos onde a dublagem brasileira é nojenta.

Anúncios
  1. César
    janeiro 30, 2011 às 22:05

    É um dilema mesmo, pois os filmes dublados são, na minha opinião, na maioria das vezes praticamente um atentado ao intento original dos criadores. Mas só recentemente me dei conta que os conteúdo visual TAMBÉM é igualmente importante, e até mais importante dependendo da produção, então suponho que devemos ter critérios antes de assistir um filme dublado.

    Geralmente eu não tenho problemas quando o material original é em inglês, já que eu me pego muitas vezes não olhando pras legendas, embora elas sempre atraiam sua atenção. Muitas vezes ao ver filmes com a minha irmã ela mencionava os erros das legendas e eu dizia que não as tinha lido. Mas imagino como deve ser a situação de quem não entende muito bem inglês quando vejo filmes de outras línguas. Quando eu vi o belíssimo A Viagem de Chihiro tive que mudar o áudio pra português, visto que o filme japonês é rico demais em imagens e eu estava numa briga constante entre a imagem e a legenda.

    Então, para animações, acho aceitável ver o filme dublado pois é auto-evidente que a imagem sempre vai ser mais importante que o diálogo em um filme desse tipo (caso contrário não seria uma animação). Mas imagine só a situação de quem vê, por exemplo, um filme francês sobre a 2ª Guerra Mundial. Nesse caso, a dublagem vai dar um clima ridículo à história que PRECISA do áudio em Francês para ter verossimilhança. É a mesma coisa que tentar dublar o “Paixão de Cristo”, que usa aramaico, hebreu e latim, e não inglês, para conferir realidade ao filme.

    • janeiro 31, 2011 às 15:29

      Concordo perfeitamente. Tem casos onde ver filme dublado é inadmissível.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: